sábado, março 04, 2006

Engenho do Porto da Cruz


Durante muitos séculos a Ilha da Madeira foi famosa pelo comércio do açúcar, existindo um pouco por toda a ilha, engenhos que transformavam a cana-de-açúcar, em açúcar, mel e aguardente, chegando a quase duas dezenas nos princípios do século XX.
Na freguesia do Porto da Cruz, concelho de Machico encontramos um dos 3 engenhos de açúcar que ainda funcionam na Ilha da Madeira, pertencendo à Companhia dos Engenhos do Norte.
Em funcionamento desde o ano de 1927, o Engenho do Porto da Cruz, actualmente apenas produz Aguardente e mel.

3 comentários:

César disse...

Se me permite dizer, mesmo ao lado desse engeno, no cimo de um morr, jaz o que me perece ser um antigo forte levado ao abandono.
Fico triste com estas situações de degradação do patrimonio madeirense muito em particular com os do concelho de Machico que quase nenhuma atenção têm por parte dos seus governantes.
Levadas sujas, Veredas mal cuidadas e edificios em degradação são habituais por essas terras. Seria bom que se abrisse os olhos enquanto é tempo. Depois de tudo desaparecido, apenas se ouvirão lamentos.

Anónimo disse...

Esse forte tem dono... que não é o estado Português. A razão porque não é recuperado, é simples, chama-se Plano Director Municipal.

homemqueNAOseVERGA disse...

O forte que o sr Cesar refere está de facto ao abandono... e digo mais, tenho mais de 30 anos e sempre me lembro do o ver assim, ainda bem ke ninguem se lembrou de por lá umas cadeiras e abrir um café, apesar de ter uma vista brutal. Mete nojo ver tantos cafés, restaurantes, snack bars eta, etc em cima do mar.

Quanto ao engenho, já há muito que devia ter sido comprado pelo estado e ser tornado num museu. Mas as familias donas do mesmo fazem parte das "famiglias" do sistema corruto, que fazem o que querem , a lei n chega a eles , por isso o engenho continua em laboraçao....