sexta-feira, outubro 21, 2005

Roca-de-vénus


Ninguém imagina que por detrás de uma flor tão linda, se esconde uma planta tão agressiva e altamente prejudicial, às plantas nativas da Madeira.
A Roca-de-vénus (Hedychium gardneranum), também conhecida como Bananilha, é uma planta natural dos Himalaias, Nepal e Índia, que foi introduzida na Madeira como planta ornamental, mas rapidamente ultrapassou os limites dos jardins, transformando-se numa praga infestante, devido à sua grande capacidade de adaptação e multiplicação.
Antes que se torne incontrolável, as entidades responsáveis pela protecção e preservação da flora Madeirense, estão a tomar medidas, para pelo menos minorar os efeitos negativos.

3 comentários:

César disse...

Pergunto-lhe que pode fazer um cidadão normal ao ver esta planta na serra ou em qualquer outro lugar. devera arrancá-la?
Gostaria de saber como contribuir para o não alastramento das plantas invasoras.

J J Roseira disse...

Uma pequena gralha: é
Hedychium gardnerianum.

liege disse...

Essa planta é um problema aqui em Visconde de Mauá . no sul de Minas Gerais , Brasil . Os animais comem seus frutos e vão disseminando a praga nas matas e jardins . Muito rústica , sobrevive por meses a fio dentro de um saco , sem agua , luz e terra. Forma colonias fechadas impedindo que outras plantas possam prosperar . Trouxe para o meu jardim ha muitos anos , atraida por sua beleza e perfume . So tem um jeito de retardar seu alastramento : estar de olho nas muitas mudas que irão brotar no jardim ao longo de muitos anos . Quando encontro , trato de enterrar fundo os rizomas , ou deixa-los num local sem agua e pouca luz , longe do solo . Mesmo assim pode levar mais de um ano pra morrer de vez